segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Pernas inchadas...e agora?

Passei a minha vida toda a ouvir "as mulheres da nossa família têm problemas vasculares: assim que chegares à adolescência vais passar a época do calor com pernas e pés inchadíssimos!". Os anos foram passando, e nada se verificou.

Trabalhei em farmácia, onde passava 8 horas do meu dia em pé, e onde me avisaram: "é agora que vais ver as pernas a inchar!". Nada de nada.

 (A bem verdade, todo o processo de inchaço das pernas e pés pode-se dar devido a uma multitude de razões. Não só os problemas circulatórios, como também problemas a nível dos rins e efeitos secundários de medicação são factores que causam um edema a nível dos membros inferiores. Mas parecia que toda a gente me queria impor um par de pernas inchadas e uma genética que teimava em não se querer manifestar.)


Até ao ano passado, em que comecei num trabalho de secretária. Ao contrário do que muita gente pensa, não só o passar horas extensas em pé, como também o estar muito tempo sentada, fez com que as minhas pernas (que até à altura tinham resistido estoicamente contra o fado que me haviam destinado) se transformassem em dois balõezinhos.

Infelizmente, como tenho sido ultimamente uma pessoa mais de reacção do que propriamente de prevenção, tomei algumas medidas (após consulta com o médico para confirmar que estava tudo ok) que melhoraram consideravelmente o inchaço das pernas agora no tempo quente:

-Aumento do consumo de água: A maioria das pessoas irá comentar: "Ora, grande coisa.". Mas
é daqueles cânones que a maioria das pessoas definitivamente não respeita. Só para pegar num exemplo mais visual: a pele tem um aspecto muito mais flácido e baço num dia em que bebam pouca ou nenhuma água vs num dia em que tenham bebido água na quantidade necessária para o vosso corpo.

- Massagem nas pernas à noite: ofereceram-me um gel da BodyNatur (5,30€) que tem sido uma ajuda fundamental para o atrito que a passagem das mãos na perna causa. Faz um efeito fresco, ajudando também à diminuição do inchaço, assim como é de fácil absorção (não deixando aquele efeito peganhento que alguns geles causam).


-Elevar ligeiramente as pernas à noite na cama: esta parte custou-me particularmente, uma vez que estou habituada desde sempre a dormir na mesma posição e por isso estranho ter as pernas ligeiramente mais altas: no entanto, é das medidas que se traduziu em melhorias mais significativas!


E vocês, têm mais algum truque que gostariam de adicionar à lista?

Nota: A pedido, menciono também que o gel da BodyNatur se encontra à venda em farmácias :)