segunda-feira, 26 de março de 2012

A Mantinha Explica... tudo sobre Pontos Negros


Olá a todas!

O tema desta semana d’A Mantinha Explica é sobre pontos negros (sugestão da nossa leitora Alexandra).
Creio que todas nós (pelo menos a maioria) em algum ponto da nossa vida sofremos deste mal, umas mais outras menos.
Será que conhece bem este mal que tanto nos afecta?

O que são?

Um ponto negro, também conhecido como comedão, é a acomulação de óleo e outras substâncias no folículo pilossebáceo. Este é designado por “negro”, uma vez que esta mistura de sebo e queratina, exposta ao ar, oxida e adquire um tom escuro.

O que causa?

Como já foi referido anteriormente, o excesso de óleo é a causa principal para o aparecimento dos pontos negros. Este aumento drástico de oleosidade é característica típica da adolescência, uma vez que o ser humano aumenta os seus níveis de hormona nessa altura, o que se traduz num aumento da actividade das glândulas e por sua vez num aumento de produção de sebo, causando o “entupimento” dos poros.

Como tratar?

Não há nenhum tratamento milagre que tire pontos negros do dia para a noite. O sucesso para uma remoção eficaz e duradoura dos pontos negros é ser consistente no tratamento (ou seja, não se lembrar que os poros existem, por exemplo, no dia anterior a um evento importante!).

Há que ter paciência e ter em conta certos aspectos que são cruciais ter em mente:

1-      Lavar bem a cara – Há quem diga que a sujidade não afecta o aparecimento dos poros. Pode não ser a razão principal, mas para quem tem propensão para os ter, é certo e sabido que uma boa camada de sujeira entope tudo quanto seja poro e infecta. Lavar a cara com um produto específico para poros (apostar, por exemplo, em produtos que tenham ácido salicílico ou ácido láctico é uma boa ideia).

2-Exfoliar...sem ser em demasia! – Use produtos próprios para o seu problema. Uma pele exfoliada promove uma regeneração da pele maior, remove sebo, peles mortas... muita coisa que causa o aparecimento dos pontos negros. Veja por exemplo a esfoliação química aqui.
Exfoliar demais pode traduzir-se em pele irritada e o aparecimento de ainda mais pontos negros. Em suma, as instruções de utilização do produto são para se ler! 1-2 vezes por semana de utilização chega e sobra!

3-Maquilhagem não-comedogénica...ou nenhuma! – A maquilhagem não-comedogénica é , por definição uma maquilhagem mais leve e que não tem tendência a entupir os poros, por isso, use-a. Se puder não usar nenhuma enquanto faz o tratamento, melhor ainda. Assim a pele anda livre. Grande parte das mulheres usa maquilhagem muito tempo e durante vários dias a fio, o que faz com que a pele não tenha um dia de "pausa" que tanto merece  (já nem vou falar nas Antas que dormem com a maquilhagem posta por sistema!).

Não se esqueça que, se realmente o seu problema não se resolver com estas dicas, consulte um dermatologista :) Para mais informação sobre pontos negros e filamentos sebáceos, consultar este post.

Beijinho*

Nota da blogger: A Mantinha foi criada pela blogger, estando assim sujeita a copyright. Não use sem pedir autorização prévia.

Para ver todos os posts d'A Mantinha Explica, clique aqui